Seg05292017

Última atualizaçãoSeg, 29 Mai 2017 2pm

Três anos

9ª Cia da PM

Entidade ganha grupo de atenção à criança/adolescente.

A 9ª Cia PM Independente da Polícia Militar realizou, na manhã desta sexta-feira, 3, no Quartel, uma solenidade em comemoração aos seus três anos em Congonhas, completados no dia 14 de janeiro. O evento serviu também como lançamento do Grupo Especial de Atenção à Criança e ao Adolescente em Situação de Risco (GEACAR), que é o primeiro a ser criado no interior de Minas, seguindo a experiência exitosa de Belo Horizonte. Duas viaturas foram adquiridas para o GEACAR através do Consep em parceria com a PM, Poder Judiciário e a Promotoria de Justiça de Congonhas. Durante o evento, o major PM Jardel Eduardo, responsável pela 9ª Companhia, o prefeito Zelinho, o promotor de justiça da Comarca de Congonhas, Dr. Vinícius A. Galvão, a juíza Flávia Generoso de Matos, o presidente do Consep Anfonso Corrêa, representantes das mineradoras, líderes religiosos, entre outros, foram homenageados por colaborarem com a segurança pública da cidade e região. Militares que se destacaram durante 2016 foram condecorados.

O novo portifólio de serviços ativado pela Polícia Militar em Congonhas – Grupo Especial para Atenção à Criança e o Adolescente em Situação de Risco (GEACAR) – é formado por policiais militares com capacitação técnica específica, viaturas e equipamentos próprios para atuação com protagonismo nos eventos de defesa social que envolvam crianças e adolescentes, sejam como vítimas de crimes ou autores de atos infracionais.

O Major Eduardo em sua fala fez uma prestação de contas à sociedade e agradeceu a todos os envolvidos no desenvolvimento do novo portifólio GEACAR, destacando a importância do trabalho conjunto dos órgãos de defesa social para a manutenção da paz social.

Para o promotor de justiça, Dr. Vinícius Alcântara Galvão, “jovens são imbuídos de intemperânça e costumam praticar mais atos infracionais. A Polícia Militar, a Polícia civil, o Poder Judiciário, o Ministério Público e a Prefeitura precisam ter ciência de que a prevenção inibe os crimes e ter uma ação firme e legalista e interligarem suas redes, para obtermos resultados positivos para a sociedade. Eles não surgem somente da condição de vulnerabilidade do infrator, mas também por uma concepção perversa. Os índices de desenvolvimento evoluíram a partir de 1994 e a proliferação da violência cresceu. A violência estará presente na sociedade brasileira por muito tempo. O Geacar, e seu trabalho de inteligência de mapeamento de possíveis homicídios, vai fazer com que jovens com este perfil se integrem novamente à sociedade. A Colômbia é um bom exemplo da redução drástica dos índices de violência, apesar de ainda ser onde o tráfego de drogas é mais forte no Mundo, mas cidades como Medelim estão se transformando para muito melhores graças a um trabalho inteligente e conjunto”.

A juíza Flavia Generoso comentou ao final do evento com as autoridades presentes que, em Congonhas, a Prefeitura, a PM, a PC, o Poder Judiciário e o Ministério Público possuem um constante diálogo para encontrar soluções para os problemas ou para evita-los.
O Governo Municipal mantém convênio com a 9ª Cia. Ind. da PM para custear a manutenção dos serviços da corporação, no valor de mais de R$ 220 mil. “Esta parceria da Prefeitura garantiu a melhoria dos serviços que a PM presta em Congonhas. Parabenizo a Polícia Militar pela comemoração dos três anos da 9ª Cia na cidade, mas também ao Consep, o Poder Judiciário, o Ministério Público e a PM por trazer para cá o GEACAR, que irá contribuir na prevenção e recuperação de menores infratores”, afirmou Zelinho.

O coronel Jesus Milagres, comandante da 13ª Região da Polícia Militar (RPM) e demais comandantes das Unidades de Polícia Militar que integram esta Região; o pároco de Entre Rios de Minas, padre Romualdo Gonçalves Leite; o superintendente da 35ª Região da Igreja Quadrangular e vereador, pastor Evandro Alves Almeida; outros vereadores Advar G. Barbosa (pres. da Câmara Municipal), Cida Penido, Lucas Santos Vicente (Lucas Bob) e Edonias Clementino de Almeida (Galileu); o ex-vereador Antônio Eládio Duarte; secretários municipais; os prefeitos de Moeda, Leonardo Augusto Moura Braga, e de Entre Rios de Minas; José Walter Resende Aguiar, além de representantes do executivo de outros dos sete municípios atendidos pela 9ª Companhia; membros da Polícia Civil; representantes das empresas Gerdau Açominas, CSN e VSB; e da sociedade civil também estiveram presentes.

Foto & Texto: Por Secom/  Assessoria de Comunicação -PMC