Busca

Evacuação de 2,5 mil moradores

terça-feira, 12 de março de 2019 às 21:56 - por, redacao.

Barragem “Casa de Pedra” em Congonhas


MP recomenda retirada da população dos bairros Residencial e Cristo Rei.


Em reunião na Promotoria Pública em Congonhas/MG, Promotores Públicos e membros da comissão do movimento contra a barragem, se reuniram nesta terça-feira (12/3). Na oportunidade, representantes da Companhia Siderúrgica Nacional – CSN, não estiveram presentes. Segundo as primeiras informações mais de 600 casas estão diretamente ameaçada pela barragem de “Casa de Pedra” (Foto). Segundo estimativa da Defesa Civil Municipal, em caso de ruptura os primeiros imóveis podem ser atingidos em cerca de 30 segundos.

O promotor Dr.Vinicius Alcântara Galvão apresentou à empresa mineradora as recomendações de ações a serem tomadas pela CSN, que garantam a segurança e a saúde mental/psicológica/física da população.  Tais recomendações englobam a retirada e deslocamento dos moradores, que assim desejarem, dos bairros, além de medidas relacionadas à creche e escola do bairro Residencial, recentemente fechadas por causa do medo causado pela barragem.

O documento prevê também que tais medidas tenham o aspecto financeiro custeado pela empresa CSN. Cópias foram enviadas à Prefeitura, Câmara Municipal e à CSN. A empresa tem 10 dias úteis para responder o documento; se a empresa não o fizer, caracteriza-se crime por parte da mesma. A não aceitação das recomendações implicará na entrada de ação judicial por parte da promotoria.