Busca

Servidores e Município

sábado, 14 de Abril de 2018 às 11:22 - por, redacao.

Em Ouro Branco


Uma grande conquista de negociação pela reposição salarial


Desde o dia 1º de março, os servidores municipais da prefeitura de Ouro Branco/MG buscam encontrar um caminho para o reajuste salarial. Recentemente o município apresentou uma contraproposta à reivindicação feita pelo sindicato da classe, que reivindica 5% de reposição salarial mais 21% de aumento no valor do vale-refeição em 2018. A Prefeitura informa que a data base para início da negociação está sendo respeitada. A proposta do Governo feita no prazo é de aumento salarial com base no INPC (1,81%) a partir de setembro e no vale alimentação de mais de 5,41% a partir do acordo.

Em declaração, o prefeito Hélio Campos (Foto), o pedido de 5% de aumento reflete a radicalização de parte do sindicato, uma vez que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) ficou em 1,81% no cálculo dos últimos 12 meses. “Todas as prefeituras da região estão passando por dificuldades e em Ouro Branco não é diferente. Todas elas deram aumento com base no INPC. A única coisa que pedimos é que o aumento tenha validade a partir de 1º de setembro em razão das dificuldades financeiras enfrentadas pela prefeitura, principalmente por causa do atraso nos repasses do governo estadual. Em contrapartida, propusemos um aumento imediato de 5,41% no valor do vale-alimentação (o que também seria um diferencial, porque tivemos deflação no cálculo da cesta básica). Outra vantagem para os servidores apontada pelo prefeito na proposta de reajuste consiste na ampliação da faixa de desconto do vale-alimentação. Antes, segundo o prefeito, o desconto parcial do vale-refeição incidia sobre os salários até R$1.800,00; agora a isenção será ampliada para os vencimentos de até R$2.500,00. Atualmente o vale-alimentação tem valor de R$370,00.