Busca

Mulher é queimada na rodoviária de C.Lafaiete.

sexta-feira, 22 de junho de 2018 às 16:04 - por, redacao.

A luz do dia


Droga seria um dos motivos da covardia realizada contra a vítima. PM localiza e prende alguns dos supostos envolvidos.


A covarde cena ocorrida agora pela manhã desta sexta-feira (22/6), no terminal rodoviário de Conselheiro Lafaiete/MG, causou espanto às pessoas que passavam pelo canteiro central do local. Nossa redação esteve presente, ouviu testemunhas e acompanhou toda crueldade ocorrida pelo horário de 7h31, conforme registro de uma câmera de segurança, instalada na rodoviária.

Um levantamento a respeito do caso mostra que a vítima dormia no canteiro, quando dois suspeitos teriam espalhado álcool e com fósforos, realizado o crime. As chamas atingiram o rosto da mulher queimado parcialmente; socorrida pela equipe do Corpo de Bombeiros ela recebeu os primeiros atendimentos no Hospital e Maternidade São José, identificada como Stephanny Aparecida, a vítima teve seu quadro agravado pelas queimaduras sofridas, sendo transferida agora a tarde para o Hospital João XXIII, em Belo Horizonte, onde existe uma ala específica para  queimados.

PM prende autores da tentativa de Homicídio

Os supostos responsáveis foram localizados no bairro São Sebastião, autores seriam dois rapazes de 20 e 29 anos respectivamente, conforme apurações, eles teriam usado o combustível usado no semáforo, ao fazer malabarismos para os motoristas, nos sinais da cidade.  A  dupla têm passagens por outros delitos,  um menor acusado de envolvimento, ainda é procurado.

Da redação

Por Jornalista Carlos Pacelli

Mas o que deve acontecer nesta rodoviária, para que autoridades tomem providências a respeito da falta de segurança. Moradores de rua vivendo a mais de meses em barracas, traficantes, mendigos, usuários de drogas, assaltos realizados por travestis nos banheiros durante noite e madrugada, como não bastasse, o lugar ainda é ponto de prostituição.

Realmente falta vontade política e ações eficazes por parte das autoridades para se proteger o cidadão de bem nesta cidade. Como dizia um frei que conheci – Oremos! Pois, somente um milagre, pode resolver um problema tão simples.